quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Historia do meu David Parte I




Como já tinha dito, este blog, alem de contar o meu dia a dia, será também para um dia mais tarde poder recordar tudo aquilo que foi a minha gravidez, as maravilhas de poder sentir um ser a crescer dentro de nos, e apesar, do desfecho terrível que a minha gravidez teve, foi MARAVILHOSO passar por todas as etapas...eu fui mãe, e talvez esta gravidez seja a única, o futuro ninguém sabe, por isso, hoje vou começar a relatar a História do meu filho David....

Depois da eco do 1 trimestre confirmar que tudo estava bem com o meu menino, decidi, com consentimento da minha GO ir trabalhar, para a minha saúde mental foi óptimo, alem de todas as minhas colegas estarem radiantes com a minha gravidez, toda a gente sabia o longo percurso por isso fui mimada e muito bem recebida na empresa...

Começaram logo a chover prendas para o meu Rapaz, a eco já tinha dado para ver o sexo,.... era tudo em azul, carros, era tudo maravilhoso, a barriguita começou a dar um bom ar da sua graça a partir das 15 semanas






(Eu com 15 semanas)
Tudo corria as mil maravilhas, análises O.K, Nada de enjoos o má disposição, eu e o meu marido irradiávamos felicidade, a minha irmã que é a madrinha já lhe tinha comprado as primeiras roupinhas....era o nosso sonho a realizar-se, a luta de quase 4 anos a chegar ao fim... O meu menino desde muito cedo fez-se sentir aqui na barriguita da mãe, as 15 semanas eu já achava que era ele, mas só tive a certeza as 17, quando numa eco a médica confirmou que o que eu estava a sentir era o meu David,


(Eu as 18 semanas)

Comecei a preparar as férias que este ano seriam em Junho, porque a data para o parto estava programada para dia 25 de Agosto, e eu não queria ir muito "grande" de férias....tudo tratado com uma grande amiga minha no Algarve, entretanto fiz anos, foi o aniversário mais especial da minha vida, acreditei que depois daquele, qualquer outro seria superior a aquela alegria, pois o meu menino já estaria no meio de nos, fiz uma mini festa, para celebrar o último aniversario a dois, foi uma noite muito bem passada


(24 semanas e 5 Dias)

Mal sabia eu que passados 15 dias entraria de baixa, porque o apresado David queria vir conhecer os pais....hoje penso se não teria sido melhor....

Tudo continuou a correr bem até a consulta das 26 semanas e 6 dias.. Ficam aqui mais umas fotos da minha barriga


26 semanas 26 semanas e 4 dias

Até este domingo foram dias óptimos, já sentia algumas contracções, mas estava a ser medicada com magnésio desde as 22 semanas, por isso acreditava que era mesmo falta de descanso, e que como as férias estavam a chegar o descanso iria melhorar tudo, alem de que ia aproveitar as férias para preparar o quarto do bebé....sempre sonhei em ter o quarto prontinho para a chegada do meu bebecas...


Bem por hoje já chega...amanhã continuo....as lágrimas teimam em não parar, e já demorei quase 2 horas a escrever isto....


Muitas pessoas podem pensar que sou masoquista...mas eu amo com todas as minhas forças o meu bebe, e apesar de chorar e sofrer ao lembrar esta etapa maravilhosa, também fico feliz por saber que foi verdade, por mostrar ao mundo que ele existiu e por poder de algum modo perpetuar a sua estadia aqui na terra...é uma mistura de sentimentos que não consigo explicar...só sei que quero que toda a gente saiba o felizes que fomos, tanto eu como o pai, como o David...como todos os que nos conhecem e nos amam.... Para mim, continua a ser o melhor da minha vida...o meu filho David... mas tenho tantas saudades tuas meu filho, continua a doer tanto.............


9 comentários:

Maggie disse...

Célia Querida, claro que não és masoquista! A gravidez não teve um final feliz mas foste mto feliz durante a gravidez, só estás a recordar isso...

Mta força
Mta coragem
Maggie

Anónimo disse...

Olá Célia.

Tenho pena de não conseguir dizer-te nada para atenuar a tua dor. Mas sei que hoje é um dia muito dificil mas também sei que amanha será um pouquinho melhor. Não passa mas melhora. Pelo pouco que te "conheço" és uma grande mulher e nunca te esqueças da frase dita... "o que não nos mata torna-nos mais fortes".
Tens um anjinho da guarda que olhará sempre por ti e pelo teu marido e por todos oos irmãozinhos que lhe irás dar.
Um beijinho muito apertado e que tenhas muita força para a tua caminhada.
Céliaj

pamgvb disse...

é tao bom podermos falar dos nossos anjos sem que ninguem nos peça para calar né??

fala querida conta tudo dele, de ti, de vós e fala para ele porque ele está sempre presente!!

beijo grande

Lolita disse...

Querida, como já disse do meu, o blog é teu e tu escreves e fazes dele o que quiseres (dentro dos limites da educação e coisa e tal, que ñ é o teu caso claro). Masoquista!!! Nem pensar, exterioriza o que sentes.

Eu acho mto bonito o que escreves, o amor que transmites.

Coragem miuda.

Xana disse...

Célia,
se sentes que escrever aqui te ajuda, então força minha querida! Nós estamos cá para te ouvir e tentar dar algum conforto!

Um enorme beijinho minha querida

Isa disse...

Célia, conta, desabafa, escreve!
Estamos aqui para te "ouvir", para conhecer a tua história enquanto mãe, e a história do teu filho David! Viveram momento únicos e tão felizes que partilhá-los não é ser masoquista, muito pelo contrário! É poder vivenciar a felicidade desses tempos!
Pensa nele assim... Feliz!
Beijo enorme e um abraço!

Silvia Figueira disse...

Penso que fazes muito bem em relembrar todos os momentos em que foram felizes!! Faz bem ao luto por que estás a passar!!!! Beijos fofos e uma abraço apertadinho!!!

mjm disse...

Amiga Querida....
Fala tudo.... estamos sempre aqui para te ouvir!

A tua Gravidez foi real, o teu Filho será sempre o teu primeiro Filho Amado!

Coragem minha Querida!
Um Grande Beijinho

Ana disse...

Querida Célia faz bem desabafar por isso deita tudo cá para fora. Nós ouvimos e estamos cá para te ajudar!Um grande beijo