domingo, 20 de novembro de 2011

fim de semana nas urgências

Pois é, desta vez foi o fim de semana todo e ainda por cima com foi o meu pequeno mais-que-tudo-grande-amor, o B....Ontem por volta do meio dia, numa das suas muitas correrias entre o quarto e a sala, tropeço na passadeira do corredor e TRAZ, bateu com a cara num móvel e cortou o lábio...ai meu Deus era tanto sangue...ele ficou logo roxo, pois "segurou" o choro, eu bem o abanava, mais nada, estava tão roxinho...até que por fim, depois de eu ter corrido para o terraço, para ele apanhar o frio e de o abanar bem, lá chorou! posso vos dizer que nunca tive tanto medo...Depois de examinar a ferida e de colocar gelo, decidimos ir as urgências porque o lábio tinha mau aspecto, e a gengiva estava também a sangrar....No médico nada a apontar, gelo, gelados e brufem para as dores





A noite, depois da sopinha, e ao mesmo tempo que faz força para fazer cocó, vomita...O.K deve estar mal disposto porque anda com prisão de ventre...mais tarde mais um vómito..O.K não deve ser nada de especial...meia noite e ainda acordado porque lhe doía a barriga, festa aqui, festa acolá e ele adormeçeu...5 da manhã e ele acorda a chorar.dói lhe a barriga, festa aqui, beijos, mimo mais um vomito....urgencia..mais um vómito..conclusão deve ser uma gastroenterite, não tem diarreia, mas foi o "veredicto"...mas a verdade é que a pesar de não ser diarreia, passou o dia a fazer cocó, e depois de medicado nunca mais vomitou...mas agora ao fim do dia estava a fazer temperatura... a ver vamos como isto vai acabar!

6 comentários:

MICHELLE disse...

Espero que fique tudo bem.

Beijos

Isa disse...

Com crianças pequenas, andamos sempre com o coração nas mãos. As melhoras para o B.

Só um conselho, não se deve abanar as crianças em situação alguma, porque isso pode acarretar graves problemas na criança. Eu sei que em situações de stress reagimos sem pensar, mas abanar uma criança pequena é muito perigoso! Não é para te alarmar, mas para te informar! http://www.fotosantesedepois.com/2011/05/12/sindrome-do-bebe-sacudido/

Beijinhos

Célia disse...

Obrigada Isa!
Fiquei perturbada com o que li,...ainda bem que como ele estava no meu colo, a única maneira que eu tinha para o abanar era com o braço que tinha debaixo do rabinho dele, pois a minha outra mão estava a segurar o sangue...
Mas também acho que para alguem poder fazer isso a uma criança tem de aplicar mesmo muita força...
Vivendo e aprendendo.

ce. disse...

Epá...amanha ligo-te!
Bjs

Anónimo disse...

As melhoras para o teu B, bjs
susana Lemos

Anónimo disse...

as melhores do teu menino. beijito