segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Estou aqui!

Antes de mais quero agradecer do fundo do meu coração a toas as pessoas que me tem apoiado neste momento tão difícil, e que com as suas mensagens de carinho me tem dado um apoio incondicional, a vocês minhas amigas virtuais um muito obrigado por toda a força!!

Tenho andado bastante desaparecida, não tem sido fáceis as coisas por estes lados, mas vou tentar resumir a coisa.

A minha prima, durante a gravidez, apareceu-lhe um sinal na cabeça, tipo verruga, que segundo o médico de família, não seria nada, mas a verdade é que conforme o tempo de gestação passava, o sinal crescia a olhos vistos, nascimento do Gonçalo, e tudo gira em volta dele... e o sinal continua a crescer...até que a mais o menos um mês ela o foi retirar...aí começou tudo, o especialista achava aquela verruga muito estranha, ela parecia montes de cogumelos juntos e era mesmo grande!
decidiu mandar a analisar, e 15 dias depois chamaram a minha prima para uma consulta no hospital para saber o resultado da biopsia, isto foi uma terça, e na quarta de manhã, já estava no IPO numa consulta, conclusão, cancro na pele....tem de ser operada com urgência, foi a resposta do Dr,....começa a correria, cunhas para exames, cunhas para consultas, cunhas para tudo....mas dessa parte falarei noutro post, estamos agora a espera da marcação da operação, mas o resultado dos vários exames são encorajadores, parece que está localizado, sem grandes raízes e com uma grande probabilidade de ser totalmente removido com a operação...estou com muita esperança...

E quer queiramos o não, a vida continua, e como uma desgraça nunca vem só..... Eu tenho uma lesão na coluna vertebral, que segundo uns é genética, mas segundo outros depende de cada individuo, é uma escoliose dorso Lombar com 30º de desvio, em português, tenho a coluna em S, situação que me provoca grandes dores, e que com o tempo está a conseguir deformar-me os pés, conclusão, ando numa saga de médicos e exames, porque uns consideram que me devem operar, outros que devo esperar até engravidar...outros aconselham a nem tentar ter um filho, pois tenho grandes probabilidades de passar mais de 6 meses de cama......resumindo....para que lado me hei-de virar????????????

E para fechar em grande, aproximam-se mudanças na minha empresa.....já cheira a mais trabalho e a um novo cargo.....e eu sempre a faltar para saltar de médico em médico...de doença em doença.......

Será que em outra vida eu fui super saudável???

Obrigada a quem teve a paciência de me ler até ao fim!!!!

Beijos

5 comentários:

Mara disse...

É infelismente o Portugal que temos, um pais que avança a toque de cunhas. O importante é que a probabilidade de o removerem na totalidade é grande. Isso é muito bom.
Quanto a ti, minha linda... Como um mal nunca vem só... tinhas de passar por mais esta provação. Mas é apenas mais uma luta em que vais vencer. Eu sei que vais.

Um bj grande

Susana Pina disse...

Ai! Célia, fiquei bem mais descansada ao ler o teu post de hoje.
Felizmente têm tudo encaminhado para que a tua prima possa respirar de alivio e viver cheia de saúde.
Sabes amiga, eu também tenho uma escoliose bastante avançada e piorei quando tinha 24 anos, pois trabalhava num armazém em que me passavam por cada dia de trabalho muitos Kilos pelos braços, até que ao fim de um ano tive que me vir embora, por não aguentar, e num ano piorei bastante. às vezes tenho tantas dores que nem as injecções nos Hospital me fazem passar. Fico imobilizada sem me mexer numa cama, é horrivel.
Espero que consigam resolver o teu problema sem cirurgia.
Um bj doce e as melhoras
Susana

Sem Desistir disse...

Amiga, fico feliz em saber que a tua prima está já a ter o respectivo tratamento, e espero as rápidas melhoas dela. E tu? Agora mais essa com a coluna...que dilema...tenta reunir várias opiniões e depois decides.
bjos

Sissia disse...

Olá Célia,
espero que tudo corra pelo melhor. Beijinhos

AL disse...

Olá amiga,

só para te deixar um abracinho apertado.
Sei bem o que estás a pensar, e há alturas em que pensamos "tudo eu, tudo eu".

Desejo do fundo do coração que denro do possível tudo se resolva.

Beijinhos,

Angélica